Archive for the ‘Untold’ Category

The day after you stole my heart everything I touched told me it would be better shared with you. And you’re hiding in my soup, and the book reveals your face, and you’re splashing in my eyelids as the concentration continually breaks. I did request the mark you cast, didn’t heal as fast. Advertisements


Eu li seus textos, eu sei como você usa as palavras. Quando você quer que alguém preste atenção em algum aspecto da sua personalidade ou na sua camisa, você diz que a pessoa é que repara nesse tipo de coisa, como se você não desse a mínima. E quando alguém repara em algo que você […]


Covardia

18Apr08

Não é uma coisa tão dramática quanto dizer que eu gostaria de ser o protagonista de Brilho Eterno de Uma Mente sem Lembranças. Eu não queria apagar as nossas boas lembranças. Queria lembrar mais frequentemente das ruins. Depois de um ano desejando o impossível, ele começou a se concretizar. Primeiro esqueci seus telefones. Agora pouco […]


I count your eyelashes, secretly.


Ao menos estou aprendendo meus limites: até quando minha curiosidade e meu desejo ganham do meu orgulho e da minha timidez?


Well oh they might wear classic Reeboks Or knackered Converse Or tracky bottoms tucked in socks But all of that’s what the point is not The point is thats there ain’t no romance around there Sobre o que você não aguenta mais escrever? Sobre a tua vida, tua previsibilidade? Quem compraria tuas frases prontas que […]


Oficialmente

03Oct07

Eu desisto. Para qualquer boêmio que se interesse, faltou dizer: you’d kill yourself for recognition. all your insides fall to pieces, you just sit there wishing


It was his cigar hand, however, and he hesitated a second too long. He dragged on his cigar. “God damn it,” he said, “there are nice things in the world–and I mean nice things. We’re all such morons to get so sidetracked. Always, always, always referring every goddam thing that happens right back to our […]


Sinto falta de conversar com você, de te contar meu dia. De ouvir alguém interessado pelo que eu faço e penso. Não tenha dúvidas do quanto eu te quero bem, por mais que doa em mim. Você merece tudo que há de melhor – ao menos de mim, que agora, de uma vez por todas, […]


É como se todo dia eu perdesse um pedacinho a mais da crença que eu tenho nos outros. Eu queria ainda acreditar em você. Você sabe que eu queria. Eu queria acreditar de novo em você.


Hein?

28Jun07

Desde quando e onde eu deixei minha consciência de férias? E por que diabos você tinha que ter os olhos de uma cor que eu nunca tenho certeza exata de qual é? Verdes de manhã, azuis quando você quer, e qualquer cor para mim.


Slide away and give it all you’ve got My today fell in from the top I dream of you and all the things you say I wonder where you are now you’ve knocked me off my feet


Quantos meses? Quantos meses faz? Quantos meses mais?